• O dragão é o único animal imaginário da simbologia chinesa. Simboliza a sabedoria, poder transformador, força, proteção e riqueza. Ele nos inspira e representa o nosso propósito e missão.

Quarta, 31 Agosto 2016

 

Coaching é um processo de cocriação, transformação e empoderamento de pessoas para o alcance de resultados extraordinários, de forma acelerada. É a jornada a ser percorrida, é um convite para ir além. Nesse processo, o Coach (condutor), utiliza técnicas e ferramentas para que o Coachee (cliente) empodere-se e encontre  dentro de si as respostas que necessita para atingir o objetivo acordado, pessoal ou profissional, superando os obstáculos que impedem o seu sucesso.

“Coaching vem da palavra coche, do inglês medieval e, do atual, Coach, carruagem. É uma palavra que sempre deu a noção de levar ou transportar e traz consigo a ideia de apoiar as pessoas a saírem de um estado atual e alcançarem um estado desejado”. (PAIVA; MANCILHA; RICHARDS, 2014, p.7)

O processo acontece num ambiente seguro, confiável, harmonioso, despojado de objetos ligados ao misticismo ou que façam alusão a algum dogma, em respeito às diferentes crenças e costumes.

Nesse ambiente, o Coach, o responsável pela condução do processo, estabelece ampla conexão com o Coachee, identificando o seu nível de desenvolvimento no processo evolutivo, o seu Estado Atual (EA) e o Estado Desejado (ED) para atingir o seu propósito.

O Coach é sempre ético, abstém-se de julgamentos, respeita os valores, crenças e a história do Coachee. Ouve na essência e transmite confiança para que o Coachee sinta-se à vontade para falar dos seus sonhos, receios e anseios. Faz com que o Coachee sinta-se valorizado, especial, respeitado e compreendido.

Com a conexão estabelecida, em estado de flow, através de perguntas poderosas e aplicação de outras técnicas e ferramentas, igualmente poderosas, o Coach convida o Coachee a mergulhar em níveis mais profundos do seu Eu para encontrar as respostas às suas questões, observando atentamente a comunicação não-verbal. Se identificar contradições ou incongruências, retorna com questões que o façam encontrar o verdadeiro sentido.

Ampara o Coachee quando ele se defronta com a sua sombra e a dor torna-se insuportável. Coloca-se a sua disposição após as sessões, caso ele necessite, e incentiva-o a seguir adiante vencendo os seus obstáculos para atingir o seu estado desejado.

O Coaching pode ser utilizado tanto para atender necessidades individuais, como às de uma organização, empresários, gestores, líderes, equipes, grupos.

Em cada uma das situações sempre parte da identificação do Estado Atual e do Estado Desejado, seja objetivo individual ou coletivo.

O processo acontece em sessões com periodicidade combinada previamente, que podem ser semanais, quinzenais, mensais, conforme a necessidade e a disponibilidade dos envolvidos.

No caso de mais de um Coachee envolvido no processo, são realizadas sessões coletivas e individuais, ou seja, para serem atingidos objetivos organizacionais, do grupo ou equipe, é necessário conciliar o objetivo a ser atendido com os interesses individuais, tratando todas as partes envolvidas com respeito, discrição e atenção, visando eliminar possíveis conflitos de interesse.

Todas as sessões requerem aprendizado e tarefas para gerar ação, para que o Coachee sinta-se cada vez mais próximo do seu objetivo. Nesse contexto é importante que o Coach avalie o nível de comprometimento do Coachee, tanto para a realização das tarefas, como com o seu processo. A avaliação da sessão também é importante para que o Coach possa identificar a sua eficácia e corrigir seu direcionamento, se for o caso.

No final de cada sessão, Coach e Coachee desconectam-se, levando cada um o seu aprendizado.

Não podeis ensinar coisa alguma a um homem; podeis apenas ajudá-lo a encontrar o que procura dentro de si mesmo. Bertrand Russel

 

Lúcia Arlete Machado Nunes

Consultora Organizacional, Master Coach e Master em PNL

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.